Zé Neca veterinária

A MENSAGEM DO CRISTIANISMO

(parte 1)

Publicado em: 11 de outubro de 2021 às 09h21
Identidade Presbiteriana

(Artigo publicado pelo Jornal CCO impresso em 02 de outubro de 2021) Edição 2122

O "Evangelho" traz uma ótima notícia, são as boas novas de salvação vindas de Deus, por isso, a palavra Evangelho descreve a mensagem do cristianismo. Na carta do Apóstolo Paulo aos cristãos na cidade de Roma, no capítulo 1, encontra-se uma proclamação detalhada das doutrinas do cristianismo. As grandes verdades da Bíblia estão ali condensadas pelo Espírito Santo em uma das mais profundas obras literárias existentes e no primeiro verso dessa obra-prima, está registrada a expressão "o Evangelho de Deus" (Romanos 1.1). A mensagem do cristianismo é uma mensagem de Deus, porque ele é o seu AUTOR, seu ASSUNTO mais importante e seu INTÉRPRETE.

Como cristãos bíblicos e de origem reformada, cremos que o autor do evangelho é o próprio Deus, o Pai, que é incompreensível, poderoso, grandiosíssimo, perfeitamente sábio, soberano, Rei supremo, absoluto e o verdadeiro Criador do Universo, único, inigualável, incomparável, eterno, imutável e bondoso (Isaías 40). Deus é o Senhor Deus Todo-Poderoso, muito maior que os céus, a terra e todo o universo são insignificantes quando comparados a Deus, que é autossuficiente, ou seja, ele é completo e não precisa de ninguém, não precisa de nada, sua imaculada felicidade não pode, de maneira alguma, ser afetada. O tempo infinito aos olhos humanos é, aos olhos de Deus, como o dia de ontem que passou (Salmo 90.4). Deus é sublime em sua glória inatingível, a sua vontade é a lei irresistível de toda a existência e com essa lei todos os acontecimentos (passado-presente-futuro) se conformam perfeitamente.

Deus é cheio de majestade e está revestido de poder; a justiça e a retidão são os fundamentos do seu trono. Ele se assenta nos céus e faz o que lhe agrada (Salmo 115.3).
O Evangelho é a boa-nova de Deus para o homem pecador e caído. Deus não precisava criar a humanidade e poderia ter destruído todo este mundo pecaminoso. Mas o santo Criador decidiu enviar seu Filho unigênito para salvar pecadores, porque ele ordenou o evangelho antes da fundação do mundo (1ª Pe 1.20). Deus não resolveu salvar o homem por causa de qualquer bondade que havia nele, porque Deus elaborou o plano de salvação antes mesmo que o homem existisse (Efésios 1).

A mensagem do cristianismo não é nova, porque se originou na mente eterna de Deus. O apóstolo Paulo, escrevendo a Timóteo, seu companheiro de trabalho, afirmou que a grande origem do Evangelho é o propósito e a graça salvadora de Deus (2ª Timóteo 1.9-10). O Autor do evangelho não é o homem, e sim, o Rei santíssimo de todo o universo, por isso ninguém pode entender corretamente o Evangelho de Deus, a menos que seja iluminado pelo Espírito Santo e por causa da obra divina, aceite essa verdade, revelada na Bíblia Sagrada.

Identidade Presbiteriana por Igreja Presbiteriana do Brasil em Arcos

Igreja Presbiteriana do Brasil em Arcos
Avenida Governador Valadares, 248, Centro

Facebook: Igreja Presbiteriana do Brasil em Arcos        Instagram: @ipbarcos