Vende-se Apartamento

Assuntando 13/10/2018

Publicado em: 22 de outubro de 2018 às 10h17
Assuntando

(Coluna publicada pelo JornaL CCO impresso em 13/10/2018) - Edição 1970

Tadeu Nunes

Mais velha... A ex-prefeita de São Paulo, Luiza Erundina, do PSOL, foi reeleita deputada federal, no último domingo, e se tornou a parlamentar mais idosa do Brasil: 83 anos.

Mais jovem... As urnas apuradas nas eleições de 2018 consagraram a deputados federais os jovens Luisa Canziani e Kim Kataguiri, ambos com 22 anos, do Paraná e de São Paulo, respectivamente.

Recorde... A advogada Janaina Paschoal, uma das defensoras do impeachment de Dilma Roussef, foi eleita em São Paulo com a maior votação já obtida por um candidato a deputado em toda a história do país: 2.031.829 votos. A façanha – pasmem! – custou à Janaina, que bancou do próprio bolso sua campanha, R$ 44 mil.

Desperdício... Se por um lado Janaina Paschoal gastou uma ‘migalha’ para obter milhões de votos, por outro, a dinheirama gasta por Henrique Meirelles não foi suficiente para tirá-lo do 7º lugar na disputa pela Presidência da República. Meirelles gastou cerca de R$ 41 milhões na campanha e obteve um milhão e duzentos mil votos, custando cada ‘votinho’, aproximadamente, R$ 40.

Pouco dinheiro... Já o candidato Cabo Daciolo, que obteve mais votos que o ex-Ministro Henrique Meirelles, ficando em 6º lugar na corrida, gastou 808 reais. Cada voto de Daciolo teve o custo de R$ 0,0003. Não adianta ter uma montanha de dinheiro quando o problema é falta de carisma.

Pouco dinheiro... Jair Bolsonaro, o mais votado no primeiro turno, com quase 50 milhões de votos, gastou cerca de um milhão e duzentos mil reais na campanha. Dividido esse valor pelo número de votos obtidos, Bolsonaro gastou cerca de 2 centavos por voto.

Votação expressiva... Os candidatos Jair Bolsonaro e Romeu Zema, presidente e governador de Minas, respectivamente, obtiveram uma expressiva votação em Arcos. O presidenciável conquistou 11.078 votos (49,5%) e Zema, 13.652 (69,49%). Já para o senado, o Jornalista Carlos Viana obteve 10.015 votos, seguido de Rodrigo Pacheco, 6.690 votos.

Arcoenses... Dos 4 candidatos arcoenses às vagas na Assembleia Legislativa e Câmara Federal, o médico Sebastião Rodrigues foi o que fez mais bonito: 7.208 votos. Marlene Rodrigues veio em seguida com 3.482 votos. Laerte Mateus, candidato a deputado federal, conquistou 399 e Maria Helena, que concorria a uma vaga na ALMG, ficou com 259 votos.

Desempenho... Depois do dia 28 de outubro, data da votação do segundo turno, a disputa pela sucessão municipal ganhará força, apesar de ainda estar longe. Em Arcos, os dois pré-candidatos à prefeitura de Arcos, Baiano e Wellington Roque, tiveram desempenho diferentes nas eleições do último domingo, 7. Um saiu rindo com a eleição de seus candidatos, enquanto o outro não teve motivos nenhuma para comemorar...

Majoritário... O deputado estadual reeleito Antônio Carlos Arantes, que nas últimas eleições obteve pouco mais de 1.500 votos, dobrou a sua votação em Arcos. Apoiado por um grupo atuante na política, liderado pelo médico Wellington Roque, Arantes conquistou 3.103 votos dos arcoenses e se tornou deputado majoritário na cidade.

Queda significativa... Se Wellington Roque tem motivo de sobra para comemorar a expressiva votação de Antônio Carlos Arantes, por outro lado, não se pode dizer o mesmo do seu ex-companheiro político Baiano. Nas eleições de 2014, Baiano e seu grupo deram ao deputado Jaiminho Martins cerca de 8000 votos e Gustavo Correia, mais de 4.000.

Ladeira abaixo... O resultado das urnas obtido pelos candidatos Bruce Martins e Gustavo Correia em Arcos, último domingo, foi apontado pelos adversários de Baiano como ‘descrédito’. Durante o período eleitoral, Baiano percorreu todos os bairros de Arcos e bateu na porta dos eleitores pedindo votos para os seus ‘padrinhos’ candidatos. Mesmo com todo o apelo e dedicação do ex-prefeito de Arcos, Bruce Martins conquistou pouco mais de 1.200 votos. Já Correia, que é o atual deputado majoritário em Arcos, teve desempenho um pouco melhor: 1.476 votos.

Surpresa positiva 1... Sem o apoio de nenhuma figura política de Arcos, apenas de familiares e amigos, Lucas Gonzales obteve 686 votos dos arcoenses. Eleito deputado federal, Gonzales, que reside em Belo Horizonte, tem  laços familiares em Arcos. O empresário é casado com uma das netas do Paulo Ribeiro e Noêmia – pais das proprietárias da Bet Magazine.

Surpresa positiva 2... Outra grande surpresa nas eleições em Minas Gerais é o sucesso do candidato Romeu Zema. Apontado pelo Ibope e Datafolha como terceiro colocado nas pesquisas, às vésperas das eleições, Zema colocou Pimentel fora e superou o favorito Anastasia. Para o segundo turno, o dono da rede de lojas Eletro Zema é apontado como o grande favorito.

E por falar em pesquisa... Alguém ainda acredita em resultado de pesquisas?

Niver... Na último dia 10, quarta-feira, algumas pessoas especiais fizeram aniversário, entre elas: Edvânia Figueiredo, Sara Soares e minha sogra, Maria de Oliveira. A elas e também aos aniversariantes da semana, a coluna deseja votos de felicidades.

Assuntando por Tadeu Nunes

Site: http://www.jornalcco.com.br/

Aurélio Tadeu Nunes de Sousa é  jornalista - Bacharel em Comunicação Social/Jornalismo pela PUC Minas Arcos - e responsável pela coluna ‘Assuntando’.

Jornalista do Ano - Merito Empresarial 2012, 2013 e 2014; prêmio ‘Top of Mind’ 2012, 2013, 2014 e 2015; Medalha ‘Mérito Legislativo pela Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais’; ‘Medalha Marechal Deodoro da Fonseca’ e apresentador do programa ‘Bate Papo de Redação’, na Rádio Cidade.