Zé Neca veterinária

Prevenindo o diabetes

Publicado em: 20 de setembro de 2021 às 09h01
Saúde

(Artigo publicado pelo Jornal CCO impresso em 11 de setembro de 2021) Edição 2119

Calcula-se que cerca de 10% da população brasileira seja portadora de diabetes. Metade dessas pessoas não sabe que têm a doença. A incidência do diabetes vem aumentando a cada ano. Por ser uma doença silenciosa, muitas pessoas só vão descobrir a doença quando apresentarem uma complicação grave, como infarto, derrame ou coma por cetoacidose.

O diabetes é uma das principais causas de cegueira, perda dos rins levando à hemodiálise, amputações de membros inferiores, infarto, derrame e incapacidade permanente para o trabalho. Por isso, o Ministério da Saúde tem investido em campanhas para orientação e conscientização da população quanto a exames preventivos.

Quem tem mais risco de desenvolver diabetes?

Os principais fatores de risco são:

. Obesidade ou circunferência aumentada do abdome (acima de 94 cm para homens e acima de 80 cm para mulheres).
. história de diabetes na família
. idade acima de 45 anos
. portadores de hipertensão arterial
. sedentarismo
. abuso de bebida alcoólica
. portadores de esteatose hepática (fígado gorduroso)
. portadores de aumento de colesterol ou de triglicérides
. história de diabetes ou de pressão alta na gestação
. mulheres que tiveram filhos nascidos com mais de 4 Kg de peso
. mulheres portadoras de Síndrome dos Ovários Policísticos

É possível prevenir o diabetes?

Sim, ou pelo menos retardar o aparecimento da doença. As principais medidas são:

A- Dieta balanceada: fundamental para a prevenção e tratamento do diabetes. Recomenda-se reduzir ao máximo o teor de gorduras diárias, e não apenas dos carboidratos (açúcares). Alguns estudos apontam as gorduras como piores que os açúcares no desenvolvimento do diabetes. Uma dieta balanceada contém cerca de 55% do valor calórico em carboidratos, 25% em gorduras e 20% em proteínas. Quanto mais fibras, melhor. Recomenda-se ainda evitar ao máximo abuso de bebidas alcoólicas.

B- Exercícios físicos: mesmo que não levem a perda de peso, exercícios previnem o diabetes. Durante os exercícios, nosso corpo produz hormônios que melhoram o funcionamento do pâncreas, que passa a produzir mais insulina. Em pessoas acima do peso, ajudam a perder gorduras, melhorando também o funcionamento do metabolismo e prevenindo o diabetes.

C- Perda de peso: pessoas obesas têm risco aumentado para desenvolver diabetes. Perda de 10% do excesso de peso já é suficiente para reduzir em 50% o risco de desenvolver diabetes.

D- Medicações: em algumas situações, podemos utilizar medicações para prevenir o diabetes. É o caso de pessoas que têm muitos casos de diabetes na família e apresentam algum dos fatores de risco citados acima. No entanto, a principal medida preventiva é buscar um estilo de vida mais saudável.

Saúde por Dr. Tarcísio Narcísio Silva

Médico Endocrinologista e Metabologista - CRM 36.468