Fiemg 2

Vila é bicampeão regional sub-23

Publicado em: 17 de junho de 2019 às 08h43
Coluna Esporte

(Artigo publicado pelo Jornal CCO impresso em 15/06/2019) - Edição 2005

Marlon Santos

ALÔ, ARCOS! Se tem um time que é um exemplo a ser seguido, esta equipe é o Vila Esporte Clube de Arcos. Uma diretoria atuante, que acredita na nova geração de jogadores que está surgindo em nosso futebol e que tem como meta apostar em jogadores jovens. O trabalho do ‘verdão das alturas’ começa na categoria de base, onde ele tem uma grande quantidade de jogadores, com idades entre 08 e 15 anos, treinando em seu estádio. Sob o comando dos técnicos Tiaguinho e Vinícius, eis que o ‘verdão’ vai aos poucos mostrando que o futebol começa ainda nos primeiros passos e basta acreditar em nossos jovens atletas, que tudo pode se tornar realidade. Enquanto muitos acreditam que contratar jogadores oriundos de cidades vizinhas é a melhor solução, o Vila não se cansa de batalhar e tentar uma nova receita. Tem aqueles que acham que em Arcos não temos jogadores capacitados e que o futebol arcoense vive do passado. Um absurdo quando afirmam que os atletas arcoenses são irresponsáveis; e com um julgamento precipitado, vão aos poucos tentando acabar com o entusiasmo dos atletas genuinamente arcoenses. Como afirmar um absurdo como esse e assistir ao Vila chegar a uma final do campeonato regional sub-23, pela segunda vez consecutiva, e se tornar bicampeão? Como explicar o sucesso do Vila no ano anterior, que com sua maioria de atletas de Arcos conquistou três títulos? O futebol continua sendo uma paixão nacional e na cidade de Arcos temos o mesmo sentimento. Obviamente que as pessoas que insistem em acreditar em tamanha demagogia costumam pagar um preço alto e ficam de fora das quatro linhas assistindo ao sucesso dos garotos do Vila. Agora que o ‘verdão das alturas’ conquistou o bicampeonato regional sub-23, ficou nítido que a aposta do Vila está correta e os frutos estão sendo colhidos. Na verdade, o Vila Esporte Clube é motivo de orgulho para todo desportista arcoense. Concorda?

 

Vila e sua conquista do bicampeonato regional sub-23

Se tem um jogador que podemos afirmar que foi decisivo na conquista do bicampeonato regional sub-23, foi o atacante Gugu. No primeiro jogo entre o Vila e o Lagoa, que foi realizado em Arcos, o Lagoa saiu na frente ainda na etapa inicial, mas o atacante Gugu empatou o jogo no segundo tempo. Depois a decisão ficou para o segundo confronto que aconteceu no último domingo, no estádio municipal de Lagoa da Prata. O Lagoa estava invicto e tinha o favoritismo a seu favor. Mas o atacante Gugu novamente foi o algoz do representante de Lagoa da Prata, e ainda no primeiro tempo marcou o gol que deu o título de bicampeão regional sub-23 para o Vila. Aliás, o Vila começou o regional de forma tímida. Nas fases de mata-mata mostrou sua força e foi eliminando seus adversários até conquistar novamente o regional da categoria sub-23. Este título mostra que o futebol arcoense ainda continua sendo um dos melhores da região.

 

Apostando na juventude e rendendo frutos

O Vila nos últimos dois anos tem sido o grande destaque do futebol arcoense e está confirmando que a aposta em jovens atletas pode render frutos. O 'verdão' disputou no ano passado o campeonato regional sub-23, Copa Arcos e Seletiva. Em todas as competições em que o Vila esteve presente, conquistou todos os troféus e foi o maior detentor de títulos do futebol arcoense em 2018. Este ano o Vila Esporte Clube seguiu o mesmo caminho e conquistou o título do regional sub-23; com certeza deverá continuar seguindo sua trajetória de sucesso. Uma diretoria que consegue mostrar competência aos jogadores, comissão técnica e torcedores pode ser considerada a grande responsável pelo sucesso do 'verdão'. Agora é aguardar os próximos capítulos da história de sucesso desta equipe que é uma das mais tradicionais de nossa região.

 

Sintonia entre jogadores e torcida

Nas arquibancadas do estádio Juca Pequeno (Campo do Vila), podemos observar uma verdadeira sintonia entre os jogadores e a torcida. Afinal, o torcedor do 'verdão' conhece a maioria dos atletas que estão dentro das quatro linhas, algo que deixa todos envolvidos, simplesmente sintonizados em um único objetivo. Na verdade, o Vila está conseguindo resgatar os torcedores e jogadores de nossa cidade, e este estilo de fazer futebol é que engrandece o desportista.

Coluna Esporte por Marlon Santos

E-mail: marlonsantos@jornalcco.com.br