UNINTER

1ª Festa e Feira do Pão de Queijo e 1° Concurso de Queijo Cárstico do Centro-Oeste foram sucesso

Evento aconteceu no sábado, dia 23, e reuniu mais de 2 mil pessoas

Publicada em: 06 de dezembro de 2019 às 16h12
Arcos
Agronegócio
Cultura

Na noite do último sábado, 23 de novembro, aconteceu a 1ª Festa e Feira do Pão de Queijo de Arcos e o 1° Concurso de Queijo Cárstico do Centro-Oeste de Minas.

O evento foi realizado no Espaço “Joaquim Verdureiro” (Feira dos Produtores Rurais de Arcos) e reuniu mais de 2 mil pessoas que puderam degustar diversos tipos de queijos, pães de queijo de vários sabores e outros produtos.

Os agricultores familiares que participaram do concurso de queijo tiveram treinamento em produção de QMA (Queijo Minas Artesanal) Cárstico e Minas Frescal.

A Emater e a Prefeitura de Arcos, com patrocínio do Sicoob União Centro-Oeste, realizaram dois cursos de produção de queijos ministrados no Lactário Municipal nos meses de outubro e novembro de 2019.

Foram capacitadas cerca de 19 pessoas de Arcos e Pains, em técnicas de produção e maturação de queijos, sendo o curso ministrado pela coordenadora regional de Bem-Estar Social da Emater/MG de Divinópolis, Andréia Faria Moraes Ferreira.

Durante a feira, produtores de queijo de Arcos e Medeiros apresentaram seus produtos, aproveitando para a troca de conhecimentos sobre técnicas de produção, com foco na qualidade final do produto e marketing.

O evento, realizado pela Emater/MG e Prefeitura de Arcos, contou com o patrocínio da ACE/CDL de Arcos, do Sicoob União Centro-Oeste, dos Supermercados ABC, do IFMG/Arcos, do Rotary Club, Dom Duqueijo e Pão de Queijo Joia de Minas, contando com o apoio do Sebrae, Produtos Mineirinho, Dioka Alimentos, APOCRAME (Associação dos Produtores de Queijo Canastra de Medeiros) e Queijaria Três Reis de Medeiros.

O julgamento do 1º Concurso de Queijo Cárstico do Centro-Oeste foi coordenado pelo engenheiro agrônomo da Emater/Arcos, Zenaido Lima da Fonseca, tendo as participações do secretário municipal de Meio Ambiente e Agricultura, Robson José Correia; do extensionista agropecuário da Emater/Arcos, Irani Muniz Leão, além de Ângela e Luciana (funcionárias da Emater/Arcos).

O júri foi composto por Jonas Guimarães e Silva, do IFMG de Bambuí, que coordenou as ações do julgamento; Sérgio Garibaldi, secretário de Cultura, Esporte, Lazer e Turismo de Arcos; Rui Dias Rafael, engenheiro agrônomo da ONG Ecológica Arcoense; Neisson Martins Matos, diretor da empresa Pão de Queijo Joia de Minas.

Foram avaliados os seguintes quesitos: Apresentação (Forma e Acabamento), Cor (Coloração Amarelada), Textura (Olhadura e Granulação), Consistência (Dureza e untura) e Paladar (Sabor e Aroma).

Confira a lista dos vencedores e prêmios do 1º Concurso de Queijo Cárstico do Centro-Oeste da cidade de Arcos MG.

 

Primeira Colocada - Valéria Miranda, da Comunidade Sobradinho

 

Categoria Queijo Cárstico Centro-Oeste:

1º lugar: Valéria Aparecida de Miranda e Silva, da comunidade do Sobradinho em Arcos, recebeu um Troféu ACE/CDL, um Certificado da Emater/Arcos e Prefeitura de Arcos, além de uma novilha 3/4 Girolanda no valor de R$ 1.200,00, doada pelo produtor rural Sr. José Aladel.

2º lugar: Lenita Pinheiro da Costa, da Comunidade do Córrego das Almas em Arcos, recebeu um Troféu ACE/CDL, um Certificado da Emater/Arcos e Prefeitura de Arcos, além de um cheque no valor de R$200,00 doado pelo Rotary Clube de Arcos.

3º lugar: Solange Fátima de Oliveira, da Comunidade de São Domingos em Arcos, recebeu um Troféu ACE/CDL, um Certificado da Emater/Arcos e Prefeitura de Arcos, além de um cheque no valor de R$100,00 doado pelo Rotary Clube de Arcos.

Prêmio Especial: Categoria Parmesão Cárstico Centro-Oeste: Aminadabe Clementino Ferreira, da Comunidade da Prata em Arcos, recebeu um Troféu ACE/CDL, um Certificado da Emater/Arcos e Prefeitura de Arcos, além de um cheque de R$100,00 doado pelo Grupo de Ação Ambiental Guaxinim, de Arcos.

Durante a feira ocorreu demonstração de sistemas fotovoltaicos da empresa Solar Brasil de Arcos.

A empresa Ordenhadeiras Nasto apresentou um sistema de ordenhadeira mecânica que contribui para  a melhoria da qualidade do leite.

O secretário municipal de Meio Ambiente e Agricultura de Arcos, Robson José Correia, afirma que este evento, com certeza, terá continuidade. “Entrará para o calendário de eventos do município, buscando valorizar cada vez mais os produtores rurais e as qualidade de nossa terra”.

O engenheiro agrônomo da Emater/Arcos, Zenaido L. Fonseca, idealizador do projeto, relata:  “Começamos um projeto que requer trabalho, perseverança, fé, profissionalismo, amor e renda na perspectiva de sustentabilidade. O evento foi sucesso! Fruto da ação em  equipe. Queremos fazer todas as etapas, para conquistarmos, junto ao Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI), o título de indicação geográfica de “QUEIJO CÁRSTICO CENTRO-OESTE” e tornar Arcos referência em qualidade e na produção de pão de queijo e queijos, com suas peculiaridades, abrangendo também outros municípios da região Cárstica do Centro-Oeste.”

 

 

Entretenimento e Conhecimento

“O Sicoob União Centro-Oeste tem o prazer de apoiar e patrocinar eventos que engrandecem a nossa cidade de Arcos, com benefícios para a comunidade, como este, que trouxe entretenimento e proporcionou conhecimentos com os dois cursos que foram ministrados no Lactário Municipal. Em nome de toda administração e funcionários do Sicoob União Centro-Oeste, parabenizo os organizadores pelo belo trabalho realizado e saliento que a cooperativa sempre estará de portas abertas para parcerias como esta”. Márcia Aparecida Berto Cristino – diretora de Negócios do Sicoob União Centro-Oeste.

“É um evento muito importante para disseminação do conhecimento sobre o leite, queijo e seus derivados, sua utilização na alimentação. Isso coloca em evidência os produtores e dá mais credibilidade, conscientização a todos, sobre a ética na produção, qualidade, marketing; proporciona maior movimentação de produtos e renda, com ênfase nas pessoas e no Município”. Ivis Andrade  - Presidente da ACE Arcos.

A primeira colocada, Valéria Aparecida de Miranda e Silva, da Comunidade do Sobradinho em Arcos, comentou: “Demos um primeiro passo em busca da valorização da nossa região e dos produtores que aqui vivem e tiram o sustento de suas famílias. Estou muito honrada em fazer parte deste primeiro capítulo. Agradeço a todos que se envolveram e abraçaram a causa. Espero que esse movimento ganhe cada vez mais forças para que possamos nos capacitar, produzir queijos de qualidade e promover a dignidade daqueles que tiram o sustento da terra”.

Parabéns às empresas organizadoras: EMATER-MG, Prefeitura de Arcos, Feira Livre de Arcos, Instituto Federal Campus Arcos, ACE/CDL Arcos, Pão de Queijo Joia de Minas, SEBRAE, Rotary Clube Arcos, Dom Duqueijo/Grafolha, Latícinios Dona Júlia e Produtos Mineirinho.

Fonte: Zenaildo Fonseca e Jaime Pedrosa