Vende-se Apartamento

ACE e CDL em Arcos lançam campanha ''Comércio Seguro''

Trabalho tem parceria da Unimed Alto São Francisco

Publicada em: 21 de fevereiro de 2021 às 08h00
Arcos

Na última quarta-feira (10), a ACE (Associação Comercial e Empresarial) e CDL (Câmara dos Dirigentes Lojistas) em Arcos anunciaram, em entrevista coletiva, o lançamento da campanha "Comércio Seguro", que será realizada em parceria com a Unimed Alto São Francisco.

A campanha, que irá identificar os estabelecimentos que estão cumprindo os protocolos de combate à Covid-19, tem as finalidades de fortalecer o comércio local, de proporcionar um ambiente seguro aos consumidores durante suas compras e de mostrar que o comércio não é culpado pelo aumento do número de casos da doença.

O presidente da CDL em Arcos, Ivis Andrade, disse que a ideia surgiu na CDL de Divinópolis. "O comércio já tem todos os protocolos a serem seguidos, do Minas Consciente e do Decreto Municipal; nós estamos fazendo essa cartilha para que o comércio que queira participar receba esse selo do 'Comércio Seguro'", disse Ivis Andrade, presidente da CDL em Arcos.

Ele explicou que é a adesão à campanha é voluntária e inicialmente será para os associados; em seguida irá abranger os demais comerciantes. Para aderir à campanha e receber o selo de "Comércio Seguro", o empresário deve cumprir todos os protocolos exigidos pelo programa Minas Consciente, todas as exigências do Decreto do Município e as normas da cartilha que faz parte da campanha e que segue as diretrizes da OMS (Organização Mundial da Saúde). Em seguida, o empresário deve solicitar uma visita dos representantes da ACE/CDL ao estabelecimento, para verificarem se estão sendo seguidas todas as normas. Estando tudo certo, o comércio ou serviço recebe o selo para ser colocado em um lugar de destaque. "[...] O comércio receberá esse selo para colocar em sua fachada e nós vamos divulgar amplamente quais são os comércios que aderiram e que estão cumprindo o protocolo", informou Ivis Andrade. Ele ressaltou que a finalidade é proporcionar segurança ao consumidor, além de mostrar que os comerciantes estão cumprindo as normas e fazendo mais do que o protocolo exige, "para que todos vejam que o comércio não é o culpado de nada".

 

"A gente quer ir além, queremos somar forças, pois juntos somos mais fortes. Isso é para termos o comércio aberto constantemente [...]" - João Paulo Gomes

Segundo João Paulo Alves Gomes, gerente financeiro da ACE/CDL, a campanha conta com a parceria da Unimed (Confederação Nacional das Cooperativas Médicas) Alto São Francisco, porque é um trabalho criado para cuidar das pessoas. Ele ressaltou que esse trabalho poderá evitar o fechamento do comércio. "Se a gente evitar a pandemia do Coronavírus, a gente também evita que o comércio feche e evita que a gente possa ter uma pandemia econômica, uma pandemia psicossocial. Então, estamos indo além do protocolo de combate à Covid-19 e dos decretos municiais. A gente quer ir além, queremos somar forças. Isso é para termos o comércio aberto constantemente".

João Paulo comentou que os empresários que quiserem participar irão receber a cartilha e terão um tempo para entenderem as informações e depois adaptarem seu estabelecimento a elas. "Tem orientação para a empresa, para o colaborador, para o cliente e para o fornecedor. Então, é para somar o que já existe no Minas Consciente e nos decretos municipais, não é para sobrepor".

Os interessados em aderir à campanha "Comércio Seguro" devem entrar em contato com a ACE/CDL em Arcos. "Nós teremos muito mais condição de ter uma cidade muito mais segura, com menos risco de infectados, para que possamos viver esse novo normal", concluiu.