Mérito Empresarial

Garis cantoras de Arcos emocionam o público em rede nacional

Publicada em: 28 de março de 2018 às 08h44
Arcos

(Matéria publicada pelo Jornal CCO impresso em 24/03/2018) - Edição 1941

Adélia Feliciano e Julciana Magna, as garis cantoras de Arcos, emocionaram os telespectadores do programa “Hora do Faro” (Record TV), no último domingo (18). Durante as entrevistas e também quando cantaram, as duas demonstraram tranquilidade e naturalidade. A reação dos arcoenses nas redes sociais foi de grande satisfação.  

Em entrevista ao CCO na última segunda-feira (19), na praça Floriano Peixoto, em Arcos, elas disseram que foram muito bem recebidas no programa, que estão satisfeitas com a premiação de R$20 mil para cada uma e também com a valorização do trabalho delas, em rede nacional. “Foi uma forma de homenagear todos os garis do Brasil”.

Ficaram oito dias em São Paulo e a gravação aconteceu no último dia 13. Julciana disse que cumpriram uma agenda extensa, com ensaios e gravações, mas também conseguiram descansar. “Eu não conhecia São Paulo. Foi uma experiência única!”, comenta.  

Adélia já conhecia São Paulo. “Nasci aqui em Arcos, em 1970, e meus pais mudaram pra lá. Voltamos para Arcos em 1980. Eu conhecia uma parte de Osasco”, conta.

Julciana disse que o prêmio atendeu à expectativa dela. “Eu não estava esperando muita coisa e ficaria feliz só de ter ido ao programa. Só de ter ido lá e ter conhecido o pessoal já foi muito bom. Eles nos trataram muito bem”.

Também para Adélia, o mais importante foi o reconhecimento do trabalho delas. “O que mais importou pra mim foi terem reconhecido nosso trabalho em rede nacional. Os garis, o pessoal da limpeza urbana, são muito discriminados, pelo fato de trabalharmos com lixo”.

 

Participação do cantor Zé Felipe, vestido de gari

Durante o programa, o cantor e compositor Zé Felipe (filho do cantor sertanejo Leonardo) foi para uma rua de São Paulo vestido de gari e sentiu o desprezo de quem passava por ele. Ele pedia um abraço e muitas pessoas ignoravam. Adélia disse que o profissional de limpeza realmente é tratado com “diferença”.  No caso dela e da colega Julciana, tornaram-se populares depois da divulgação dos vídeos em redes sociais e também em reportagens na TV Integração e TV Alterosa.

 

‘Hoje, por incrível que pareça, nós já ganhamos três abraços, coisa que poucas pessoas tinham feito. [...] Foi bom ter ganhado o prêmio, mas ter o reconhecimento do trabalho da gente foi o máximo’, disse Adélia.

 

Então, a expectativa minha era essa. Foi bom ter ganhado o prêmio, mas ter o reconhecimento do trabalho da gente foi o máximo”, disse Adélia.

Julciana também comentou que a reação das pessoas que passam por elas no dia a dia melhorou depois que apareceram nas mídias. “Com o tempo as pessoas vão se acostumando. Foi bom porque abriu a mente das pessoas sobre os garis. Somos pessoas normais e fazemos um trabalho digno. Se não fosse a gente, a cidade não ficaria limpa. Temos que ter orgulho do trabalho da gente sim! Se representamos todos os garis do Brasil, foi muito importante pra gente”.

Prêmio – Com o prêmio, Julciana quer investir na entrada do financiamento da casa própria. Ela tem quatro filhos, sendo três meninos (de 19, 7 e 5 anos) e uma menina de 10 anos.

Adélia tem dois filhos, um de 29 anos e outro de 15, e duas filhas (uma de 28 anos e outra de 23). Ela já tem experiência em apresentações para o público no restaurante Xodó e em igrejas, e ensinou tudo o que sabe para a colega. Durante a estadia em São Paulo, elas tiveram aulas de canto e perceberam bastante melhora na afinação e no desempenho no palco. Foram aplaudidas e elogiadas.  Se surgirem boas oportunidades, elas querem fazer shows em Arcos e região.

 

Aulas de canto e acompanhamento de profissional de fonoaudiologia  

Julciana falou da expectativa de que algum profissional de música e de fonoaudiologia em Arcos possa oferecer atendimento a elas, para que melhorem ainda mais e possam se profissionalizar. Se alguém tiver interesse em ajudá-las nesse sentido, pode ligar na Redação do CCO, para fazermos o contato  (37 – 3351-1946).