Império Rural

Homem de 35 anos que tomou 3ª dose em MG pode ficar até 5 anos preso

Ele tomou duas doses da CoronaVac, em Juiz de Fora, na Zona da Mata, e mais uma da vacina da Pfizer, na mesma região

Publicada em: 22 de setembro de 2021 às 15h03
Geral

Crédito: Cristiane Mattos

Homem de 35 anos que tomou 3ª dose em MG pode ficar até 5 anos preso

Ele tomou terceira dose com imunizante da Pfizer

Um homem, de 35 anos, que tomou a terceira dose da vacina contra a Covid-19, em Minas Gerais, foi indiciado e pode ficar até cinco anos preso. A informação foi divulgada pela Polícia Civil nesta quarta-feira (22).

De acordo com a instituição, o homem tomou duas doses da CoronaVac, em Juiz de Fora, na Zona da Mata, e mais uma da vacina da Pfizer, na mesma região. Ele responderá pelo crime de estelionato com pena de um a cinco anos de prisão, além de multa.

Delegada à frente do caso, Ione Barbosa informou que ouviu testemunhas que tiveram conhecimento dos fatos. “Nesse tipo de conduta, há obtenção de vantagem ilícita, pois a vacina é rara, cara e de propriedade do Poder Público, que adquiriu com a finalidade de imunizar a população, seguindo o Programa Nacional de Imunização”, diz.

Ela explica que ele cometeu estelionato porque, por meio de um artifício, burlou o sistema de vacinação para se imunizar. 

 

Fonte: Jornal O Tempo