AACD Teleton

Inadimplência em Arcos cresce 22%

No total, na cidade de Arcos, são 8.502 registros ativos até o dia 30 de setembro de 2020

Publicada em: 12 de outubro de 2020 às 08h00
Arcos
Economia

O Departamento Financeiro da ACE (Associação Comercial e Empresarial) e CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas) de Arcos informou ao CCO que houve um aumento no índice de inadimplência no Município em 22,67%, quando se compara o período de março de 2020 (início da pandemia) a 30 de setembro de 2020 com o mesmo período do ano anterior.

O mês com o maior índice de inclusão de pessoas no Serviço de Proteção ao Crédito - SPC Brasil - foi junho de 2020, com 29,54%. No total, na cidade de Arcos, são 8.502 registros ativos até o dia 30 de setembro de 2020.

O setor com o maior número de inclusões foi o comércio varejista de calçados, porém, em relação ao mesmo período do ano anterior, houve uma queda de 28,46% nos registros de inadimplentes.

Já o setor com o maior número de inadimplentes em relação ao mesmo período no ano anterior foi o comércio varejista de artigos de cama, mesa e banho, no qual houve um aumento de 648%, seguido pelo setor de lojas de variedades (com aumento de 500%) e serviços de comunicação multimídia (300%).

"Tivemos inúmeras reclamações [feitas pelos nossos associados] sobre as restrições do comércio, suas liberações, seus horários e funcionamento", informa Pedro Henrique Branco, responsável pelo Setor Financeiro da ACE/CDL. Ele também informou que a ACE e CDL realizaram, nesse período, várias campanhas de incentivo a compras no comércio local, assim como campanhas promocionais, com o intuito de fomentar as vendas na cidade. Também manteve constante diálogo com autoridades e participação ativa no Comitê da Covid-19.