Top of Mind 2019 - Miss Brasil

Transferência de caixa - d’água vai resolver o problema de abastecimento do Distrito da Ilha

Bomba do poço artesiano sempre queimava e prejudicava o fornecimento de água para os moradores da comunidade

Publicada em: 11 de fevereiro de 2019 às 08h32
Arcos

Solução esperada. O Governo de Arcos, por meio da Secretaria de Obras e Serviços Públicos, em parceria com a empresa Agrimig Calcário Agrícola, iniciaram as obras de transferência da caixa – d’água que abastece o Distrito da Ilha, que será deslocada para uma estação 9,5m mais alto e passará ter uma caída natural e com a gravidade vai conseguir abastecer toda a comunidade, além de ampliar este serviço para aproximadamente 50 (ciquenta) famílias que residem na Ilha de Cima.

Segundo informações do Secretário de Obras e Serviços Públicos, Eduardo Cunha, esse problema de abastecimento é antigo e gerava desconforto para os moradores, como a caixa – d’água não apresentava uma caída ideal, e era necessário que a bomba do poço artesiano funcionasse praticamente 24 horas para realizar o abastecimento, porém ela queimava constantemente e prejudicando o serviço de fornecimento de água. Vale ressaltar que a parte alta da Ilha era a região mais atingida com esse problema.

De acordo com o prefeito, Denilson Teixeira, essa iniciativa de transferência da caixa – d’água vai de encontro com a resolução de um problema antigo e que a Prefeitura vai elaborar um projeto para levar o abastecimento de água tratada para as principais comunidades rurais do município. “Estamos felizes por conseguir resolver esse problema antigo da comunidade da Ilha, agora vamos elaborar um projeto de abastecimento de água que contemplem todas as principais comunidades rurais,” enfatizou.

O secretário de Obras e Serviços Públicos, Eduardo Cunha, ressalta que essa é uma conquista da comunidade da Ilha, mas alerta para a conscientização do uso racional deste recurso hídrico. “Temos certeza que a população da Ilha sentirá aliviada com a resolução deste problema, mas chamamos a atenção para o uso consciente deste serviço, pois vivemos uma crise hídrica no município e é necessário que todos nós tenhamos mais consciência ambiental,” destacou.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Arcos