Vende-se Apartamento

Administração do Hospital São José economiza quase R$ 1 milhão de reais com UTI Móvel

Publicada em: 18 de dezembro de 2018 às 08h28
Arcos
Saúde

Um levantamento feito pela secretaria de saúde aponta que os gastos com as transferências em UTI, no ano de 2016, atingiram uma economia de R$ 992.535,31 (novecentos e noventa e dois mil quinhentos e trinta e cinco reais e trinta e um centavos).

Em 2016 foram gastos R$ 963.584,43 (Novecentos e sessenta e três mil quinhentos e oitenta e quatro mil e quarenta e três reais). Em 2017, houve uma economia de mais de 50%, quando os gastos reduziram para R$ 601121,95, uma diferença de R$ 362462,48, equivalente e 37,61%.

Em 2018, até o momento, os gastos somam R$ 333.511,60, uma diferença de R$ 630072,83, uma redução de 65,38%, em relação a 2016.

Por outro lado, os atendimentos aumentaram, gradativamente. Em 2017, foram realizadas 207 transferências (sendo 137 pela ambulância (UTI) terceirizadas pelo município e 70 pelo SAMU). Nesse ano de 2018, até o momento foram 200 transferências, sendo 164 pelo SAMU e 36 por ambulância (UTI), contratada.

Por outro lado, a gestão de recursos feita pela administração do hospital, proporcionaram várias melhorias na qualidade e na quantidade de atendimentos que vem aumentando graças ao atendimento humanizado e voltado para a solução de problemas. O índice de resolutividade fica claro, quando leva se em conta o número de óbitos registrados no hospital. A queda de 2016 para 2017 foi de 69 para 66 e em 2018, foram registrados até o momento 60.

Os atendimentos mais humanizados, e com a realização de exames, para proporcionar um diagnóstico mais preciso, estão em consonância com o aumento do número destes: Foram realizados RX, em 2016 (10416 EXAMES), em 2017 (11.927 exames) e em 2018 (10.784 exames). Quanto aos ultrassons, foram feitos em 2016 (771 EXAMES), em 2017 (2.286 EXAMES) e em 2018 (1.943  EXAMES). Já no caso de eletrocardiograma, em 2016 (382 EXAMES), em 2017 (1.000 EXAMES) e em 2018 (1.155 EXAMES).

Além disso, a direção do hospital reduziu em mais de R$ 200 mil reais o custo mensal do hospital nos últimos meses, sendo possível realizar melhorias em sua infra-estrutura interna, além da aquisição de novos equipamentos e a capacitação de pessoal.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Arcos